quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Amigos



Para que serve um amigo? Para rachar a gasolina, emprestar a prancha, recomendar um disco, dar carona pra festa, passar cola, caminhar no shopping, segurar a barra. Todas as alternativas estão corretas, porém isso não basta para guardar um amigo do lado esquerdo do peito. 

Milan Kundera, escritor tcheco, escreveu em seu último livro, "A Identidade", que a amizade é indispensável para o bom funcionamento da memória e para a integridade do próprio eu. Chama os amigos de testemunhas do passado e diz que eles são nosso espelho, que através deles podemos nos olhar. Vai além: diz que toda amizade é uma aliança contra a adversidade, aliança sem a qual o ser humano ficaria desarmado contra seus inimigos. Verdade verdadeira. Amigos recentes custam a perceber essa aliança, não valorizam ainda o que está sendo contruído. São amizades não testadas pelo tempo, não se sabe se enfrentarão com solidez as tempestades ou se serão varridos numa chuva de verão. Veremos. Um amigo não racha apenas a gasolina: racha lembranças, crises de choro, experiências. Racha a culpa, racha segredos. Um amigo não empresta apenas a prancha. Empresta o verbo, empresta o ombro, empresta o tempo, empresta o calor e a jaqueta. Um amigo não recomenda apenas um disco. Recomenda cautela, recomenda um emprego, recomenda um país. Um amigo não dá carona apenas pra festa. Te leva pro mundo dele, e topa conhecer o teu. Um amigo não passa apenas cola. Passa contigo um aperto, passa junto o reveillon. Um amigo não caminha apenas no shopping. Anda em silêncio na dor, entra contigo em campo, sai do fracasso ao teu lado. Um amigo não segura a barra, apenas. Segura a mão, a ausência, segura uma confissão, segura o tranco, o palavrão, segura o elevador. Duas dúzias de amigos assim ninguém tem. Se tiver um, amém.


Em especial pra uns amigo(a)s que não tenho visto muito mais são especiais e muito importante em minha vida (♥)

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

Velha Infancia



Boa era aquela epoca que agente não tinha compromissos , preocupações , problemas , resposabilidades ...
Que nossa mae estava sempre ali nos segurando para nao cair , que agente brincava sem ter hora de acabar , seja na areia , na água , ou no mar !
Época onde não tínhamos medos , e a insegurança nem passava perto , que fazíamos amiguinhos novos . HAHA agente enxergava o mundo colorido , como nos nossos desenhos , onde o mal não existia e só coisas lindas aconteciam .
O tempo passa e só sobram fotos e vídeos , e quando as vemos bate aquela vontade de voltar a ser criança . Foram tantas aventuras, histórias que agora só bastam às fotografias guardadas num álbum chamado CORAÇAO <3

quarta-feira, 5 de outubro de 2011

Um tanto especial.


Existem pessoas que surgem do nada e ti deixa bobo e transforma sua vida em um mar de rosas, só momento felizes, risos, brincadeiras e carinho, mas em um piscar de olhos todo esse encanto, essa felicidade, essa magica, todo esse AMOR, é o AMOR é quebrado, destruído ou magoado, por essas pessoa quem é tão especial em sua vida. Por um simples fato de na ser  você o escolhido, por não ser você o especial, por não ser você o amado... E agora como fico? Como fica todo esse sentimento que faz meu coração explodir de felicidade? Ficar só pra mim? Transformar ele em magoa? Procurar outra pessoa? E... Muitas perguntas, nenhuma resposta. Não sei o porque mas pensei que daria tudo certo EU e VOCÊ. Mas pelo que vejo eu viajei muito, pensamentos e emoções foram longe, não vou mentir em dizer que não estou decepcionado porque estou sim, também triste. Acho que com tudo isso eu aprende e mais uma vez me calei diante de você. Infelizmente não expressei todos meus sentimentos, toda minha vontade, tentei mais não completei... Mas agora só podemos ser amigos, será que é só isso que eu mereço? Estou achando que sim, e vai ser com essa que vou ter que me contentar a partir de agora já que entrou outro alguém em sua vida. Acho que toda minha esperança de um dia ti chamar de minha acaba aqui...

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...